Procompi pré-seleciona 36 projetos para micros e pequenas empresas

27/07/2018   09h43

O Programa de Apoio à Competitividade de Micro e Pequenas Indústrias (Procompi) pré-selecionou, em nova chamada, 36 projetos voltados para o desenvolvimento de empresas industriais de pequeno porte. As empresas têm até o dia 6 de agosto para detalhar os projetos e encaminhar.

 

Nesta edição, serão R$ 3,6 milhões em iniciativas coletivas, nas quais grupos de empresas de um mesmo setor recebem capacitação e consultoria para alavancar a produtividade e eficiência nos negócios. O Procompi é fruto de uma parceria entre a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

 

As propostas pré-escolhidas preveem atividades em 15 estados: Acre, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rondônia, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Tocantins. O Procompi é apoiado pelas federações das indústrias e unidades estaduais do Sebrae, responsáveis por elaborar propostas para desenvolver as empresas. As equipes têm até o dia 6 de agosto para detalhar os projetos e encaminhar ao Comitê Nacional do Procompi. O resultado final dos aprovados sai no dia 13 de agosto.

 

Nesta chamada, serão admitidas duas modalidades de projetos: de R$ 100 mil, com, no mínimo, 15 participantes; e de R$ 150 mil para atender no mínimo 20 indústrias.

 

ATUAÇÃO NACIONAL – Atualmente, o Procompi mantém 71 projetos em execução em 23 estados. Até o momento, foram investidos R$ 15,6 milhões em ações envolvendo mais de 1,5 mil empresas, dos setores de alimentos e bebidas, madeira e móveis, construção civil, cerâmica, têxtil e confecções, metalmecânico, tecnologia da informação, gráfico e químico. Cada projeto tem duração de 18 meses. Ao todo, até 2019, mais de R$ 23 milhões serão investidos na ampliação da competitividade de pequenas indústrias.

  • Juntos Pelo Desenvolvimento

  • Por uma indústria segura, saudável e produtiva.

  • Com a Indústria pela Inovação, Produtividade e Sustentabilidade.

  • Somos o elo entre o Saber e o Fazer.

  • A força do Brasil na indústria.