Está no ar o portal que aproxima inovadores e empreendedores. Conheça e divulgue!

4/05/2018   15h55

 

A inovação no Rio Grande do Norte passa a contar com um ambiente na internet no qual os interessados têm acesso a informações, projetos e um banco de dados no qual os empreendedores relatam suas necessidades e os inovadores apresentam soluções. Além disso, há diversos campos que informam e atualizam sobre projetos e programas inovadores. Trata-se do Portal da Inovação que está disponível e pode ser acessado no endereço eletrônico portaldainovacao.fiern.org.br.

 

O desenvolvimento do Portal é uma iniciativa do Núcleo de Apoio à Gestão de Inovação do Rio Grande do Norte (NAGI-RN). A proposta tem como objetivo reunir conteúdos das instituições e empresas do Ecossistema de Inovação junto ao NAGI- RN.

 

A plataforma possibilita conhecer o NAGI, com dados sobre como o Núcleo funciona e quais são as organizações e representantes que fazem parte deste fórum. O portal conta também com notícias produzidas por cada instituição participante do Núcleo para divulgar suas ações.

 

Uma dos destaques do Portal é a “Rede de Ideias”, um espaço com dois campos, “desafios” e “soluções”. Em desafios, os empreendedores podem colocar necessidades ou problemas que consideram que possibilidades de serem resolvidas com ideias ou projetos inovadores. Em “soluções”, os profissionais, pesquisadores e desenvolvedores podem apresentar projetos de inovação ou ideias que estariam disponíveis aos empresários.

 

Gestora do NAGI-RN, Susie Alves de Macedo afirma que esses dois campos aproximam os setores: o que precisa de inovação e o que desenvolve ideias inovadoras voltadas para produtos, serviços ou processos.

 

Ela lembra também que a atuação do NAGI-RN tem quatro focos: fomento, políticas públicas, inovação tecnológica e social, além de educação. Esses quatro focos estão contemplados no Portal da Inovação.

 

Há ainda os links para instituições que integram o Ecossistema de inovação no país e no Estado, como notícias, biblioteca (onde estão os artigos, vídeos e e-books) e um campo denominado como “inove” (com editais, legislação, ferramentas para inovar, programas de inovação e fonte de financiamento).

 

Susie Macedo afirma que o portal foi concebido para, com esses conteúdos, mobilizar as empresas para ter acesso às informações nesta área. “Com isso, facilita o acesso dos empresários a essas informações e identifica o que é possível adotar ferramentas de inovação que venham repercutir com ações competitivas para seus negócios”, explicou.